A diversidade como catalisadora da criatividade e da inovação

A diversidade como catalisadora da criatividade e da inovação

A diversidade como catalisadora da criatividade e da inovação

O ambiente de trabalho pode ser um local com preconceitos e assédios intencionais ou, até, sem querer. Isso determina, entre outros, casos de homofobia, lesbofobia e transfobia. O assédio moral também é determinado pelas brincadeiras, piadas e insultos de algum colega de trabalho, à primeira vista, inofensivos.

Pensando em um trabalho respeitoso e harmonioso, aproveitamos a oportunidade que o dia 17 de maio traz para conscientização e criamos esta campanha para que haja respeito em relação à diversidade.

Alguns links interessantes para aprender mais sobre o assunto:

Sem diversidade, não há inovação

https://epocanegocios.globo.com/Empresa/noticia/2017/11/sem-diversidade-nao-ha-inovacao.html

Cartilha da Organização das Nações Unidas e a Organização Internacional do Trabalho

“PROMOÇÃO DOS DIREITOS HUMANOS DE PESSOAS LGBT NO MUNDO DO TRABALHO”

Utilidade pública – veja como proceder orientação sexual ou identidade de gênero

Como denunciar homofobia e transfobia: Saiba como cada estado brasileiro trata crimes contra LGBT

Livro que relata sobre líderes gays

The G Quotient: Why Gay Executives are Excelling as Leaders… And What Every Manager Needs to Know

Mapas com uma análise digital dos níveis dos direitos, reconhecimento e criminalização dos temas relacionados à LGBT

Maps | sexual orientation laws

Danielle Torres conta como foi se assumir trans em seu ambiente de trabalho

“Um breve relato sobre a minha afirmação de gênero na KPMG no Brasil”

Em alguns países, o debate já começa desde cedo

COMO O REINO UNIDO ESTÁ PROMOVENDO O DEBATE DE GÊNERO E SEXUALIDADE NAS ESCOLAS

Para criar grandes produtos, é necessário ter um grande time, e um grande time é composto por diversidade e inclusão

Where inclusion meets human-centered design

O primeiro passo é assumir que a mudança virá em algum momento

7 em 10 brasileiros admitem expressão preconceituosa

O mundo corporativo e a diversidade pode significar um ambiente mais aberto à criatividade

Por que a diversidade é estratégica para qualquer empresa

Vídeo do TEDx Talks no qual Guilherme Valadares fala sobre a masculinidade tóxica e os malefícios para os homens

Quebrando o silêncio: como os homens se transformam

 

TIRE O PRECONCEITO DO SEU VOCABULÁRIO

Mesmo sem intenção, hábitos e força de expressão carregam a ideia que muitas vezes não queremos passar.

  1. “Mas isso é coisa de viado”
  2. “Seja macho”
  3. “Não seja menininha”
  4. “Ela é uma negra bonita”
  5. “Homem não chora”
  6. “Não tenho nada contra, até tenho amigos gays”
  7. “Isso é coisa de baiano”
  8. “Pode ser gay, mas não precisa beijar em público”
  9. “Mulher tem de que se dar o respeito”
  10. “Tinha que ser mulher”
  11. “Você está parecendo um traveco”
  12. “Cabeça chata”

MUDAR É TER VONTADE DE UM RECOMEÇO! COMECE A SUA MUDANÇA!